top of page

Desenvolvendo outros negócios para coexistir com o autoatendimento (conclusão)

Dicas de Paulie B: Menos picos de serviço aos finais de semana significa menos competição por máquinas de autoatendimento

foto de uma lavanderia de autoatendimento, contendo 6 máquinas e roupas brancas ao fundo.
Você pode usar de boas estratégias para reduzir os picos de movimento, sem perder os clientes.

Tradução por - Self Service Lavanderia.


GLENDALE, ARIZONA - Se você deseja maximizar a receita de sua lavanderia, saiba que os serviços de entrega, lavagem e secagem (do inglês "Wash, Dry, Fold", sigla WDF), coleta e entrega (do inglês "Pick Up and Delivery", sigla PUD) e trabalho comercial (remoção de fumaça, roupas de cama de restaurante, toalhas de cabeleireiro, etc.) são os fluxos de renda populares que muitos proprietários usam.


Você pode ganhar milhares de dólares por semana, mas como administrar seu espaço e não interferir com seus clientes de autoatendimento principais? Como não competir com eles por máquinas, mesas dobráveis, cestos ​​e carrinhos?


Se o seu volume de autoatendimento for irremediavelmente lento depois que você tentar aumentá-lo instalando novos equipamentos, limpando a aparência do ambiente e garantindo estacionamento adequado para clientes, você terá que fazer algum tipo de trabalho de manutenção. A parte boa é que você não tem muitos clientes para "bater carrinhos", por assim dizer, isto é, não atrapalhar a tentativa da manutenção.


Como alternativa, se sua loja estiver normalmente cheia de clientes, fazer o trabalho de serviço pode ser mais assustador. Quando os clientes veem rotineiramente a maioria das máquinas ocupadas com outros serviços, eles vão para outro lugar. Sua equipe terá que esperar para usar algumas máquinas que estão ocupadas pelos clientes, mas tempo é dinheiro. Se tiverem um trabalho que deve ser feito rapidamente, serão forçados a usar as máquinas erradas para o trabalho. Então, o que pode ser feito para diminuir esse tipo de impacto?


O foco da Parte 2 estava em soluções de armazenamento. Na conclusão de hoje, vamos falar sobre o fluxo e refluxo de um serviço:


SUAVIZE OS PICOS E BAIXAS DO MOVIMENTO


Se você puder suavizar os picos e as baixas em sua lavanderia, nos fins de semana “temidos”, você diminuirá o potencial de competição por máquinas. E isso se aplica não apenas aos colaboradores versus clientes, mas também aos clientes versus clientes.


Acredito que as melhores estratégias envolvem desviar os clientes dos horários de maior movimento para os de menor movimento, e elas podem ser aplicadas tanto aos serviços quanto aos negócios de autoatendimento - como é o caso das lavanderias.


Dia Senior - Os aposentados geralmente podem vir em qualquer dia da semana. Por que não dar a eles um desconto para aparecer no(s) seu(s) dia(s) mais lento(s)? Você também pode estender isso a outros grupos - por exemplo: clientes imediatos, estudantes, entre outros.


Publique seus horários de pico e os de lentidão — Se você não informar aos seus clientes quais os melhores horários para eles virem, como eles saberão? (Você pode começar informando-os através do Google Meu Negócio, confira aqui como utilizá-lo em seu empreendimento - nota de tradução).


O desconto de 20% — Esta é uma estratégia que funcionou bem pra mim ao longo dos anos. Já é ruim o suficiente ter clientes competindo entre si aos sábados ou domingos. Adicione o trabalho excessivo de serviço que exija que os colaboradores da sua equipe peguem todas as máquinas disponíveis, e os ânimos vão explodir!


Nosso negócio de entrega ficou tão ocupado que às vezes ficávamos sem espaço de armazenamento. A carga de trabalho era muitas vezes esmagadora. Um bom problema de se ter, sim, mas muitas dores de cabeça. Essas dores de cabeça aconteciam principalmente aos fins de semana, porque os clientes deixavam a roupa lavada no sábado de manhã e esperavam que as roupas limpas voltassem à noite, então saíam para a festa usando suas melhores roupas.


Para piorar, sábados e domingos são “dias de lavagem” para os clientes do autoatendimento que não trabalham nos finais de semana. Essa convergência de clientes de autoatendimento e o serviço de alta demanda tornou-se insuportável.


Então, decidi que era hora de aumentar os preços, mas de uma forma diferente. Comecei a aumentar os preços das lavadoras grupo por grupo. Perdemos alguns clientes, mas ainda restavam muitos dispostos a pagar os aumentos que compensavam a perda de volume.


No entanto, isso estava longe de ser suficiente para equilibrar a operação. Eu tinha que fazer mais, então aumentei os preços de entrega em 10% nos fins de semana e reduzi o preço em 10% nos dias de semana.

Isso deu início a uma pequena migração dos clientes que chegavam nos fins de semana, para os dias de semana, quando podíamos lidar com o trabalho com mais facilidade. Infelizmente, não foi o suficiente. Eles simplesmente apareciam na sexta-feira, exigindo a devolução da roupa naquela noite ou no sábado. Ainda era um fardo, além disso, muitos clientes que abandonavam o serviço não se importavam em pagar 10% a menos de segunda a sexta-feira.


Acabei encontrando a solução certa para minha lavanderia: 20% de desconto de segunda a quinta.


Esses quatro dias se tornaram nossos dias de desembarque mais pesados, mas foram muito mais fáceis de lidar, porque o saguão de autoatendimento não ficava tão cheio. Além disso, também era muito mais fácil trazer colaboradores extras nesses dias. Os clientes de entrega, em busca de um acordo, ficavam felizes em visitar-nos. Aqueles que ainda queriam atendimento rápido simplesmente pagavam 20% a mais; Eu sempre ficava surpreso com quantas pessoas não se importavam com o preço!


Uma coisa sobre o preço do serviço: os clientes drop-off (que deixam as roupas para buscar mais tarde - nota de tradução) são diferentes dos clientes de autoatendimento na lavanderia. Eles costumam ter uma boa vida, querem qualidade e estão dispostos a pagar por isso. Portanto, o sucesso do serviço depende muito mais de oferecer a eles um trabalho de alta qualidade; um serviço rápido e amigável; bem como o profissionalismo.


Nunca se esqueça, você está lidando com a propriedade deles. E suas roupas são um reflexo de quem eles são, então eles geralmente se preocupam muito com o vestuário. É uma coisa do ego.


Também é uma coisa do ego quando eles dizem aos amigos que deixam a roupa suja com o “melhor” e mais caro serviço de lavanderia da cidade. É uma ostentação, claro, mas também uma recomendação para o seu serviço.


Em uma nota final, lembre-se de que minhas sugestões aqui podem ser aplicadas a quase todos os outros serviços. Desejo-lhe boa sorte em seus esforços para desenvolver serviços que complementem sua operação de autoatendimento, sem comprometê-la.


Perdeu uma parte anterior deste artigo? Você lê aqui: Parte 1 & Parte 2.







Comments


bottom of page